Para uma vida Saudável!

Dica de Nutricionista

>> Ver Postagens Antigas
quinta, 02 de junho de 2016

Como baixar a Ferritina no Sangue com Alimentação Nutricionista Gabrieli Comachio

ORIENTAÇÕES FERRITINA

 

EVITAR:

- Carne vermelha;

- Fígado, coração de galinha, moela, ou seja, as vísceras em gerais.

-Cozinhar e armazenar os alimentos em utensílios de materiais metálicos, para evitar a

Liberação de ferro para os alimentos;

-Evitar o consumo de bebidas alcoólicas;

-Não ingerir suplementos vitamínicos ou comprimidos que contenham ferro,

-Só consumir suplementos de vitamina C quando a ferritina diminuir.

- Não consumir frutos do mar crus, pois podem conter a bactéria Vibrio vulnificus, que pode

Ser fatal para pessoas com excesso de ferro;

-Evitar alimentos industrializados enriquecidos com ferro;

-Reduzir o consumo de carnes e feijões (feijão, ervilha, lentilha, ervilhas, grão de bico, etc);

-Evitar o consumo de alimentos ricos em vitamina C (morango, kiwi, acerola, laranja, limão,

etc) em conjunto com alimentos ricos em ferro, pois ela auxilia na absorção do mineral.

-Evitar as verduras verde-escura (brócolis, couve folha, rúcula, espinafre, alface, cheiro

verde,etc.)

 

PREFERIR:

-Consumir café, chás escuros (preto, mate e verde) ou leite antes e /ou imediatamente depois das refeições para diminuir a absorção do ferro;

-Deixe as frutas cítricas para consumir nos intervalos das grandes refeições (lanches).

-Como sobremesas somente preparações á base de iogurtes ou Frutas (banana, mamão, melão)
 

PARA QUELAR O FERRO 

-Fazer uso de fitatos (sementes), fibras, dando ênfase a pectina (maçã, pêra,etc), cálcio (leite e derivados) taninos, encontrados nos chás e café, e oxalatos presente no chocolate amargo, diminuem a absorção do ferro.

 

-Procurar tomar chá verde ou outros antes ou depois das refeições para diminuir a absorção

de ferro em até 30%,

 

Fazer uma Mistura de óleos de gergelim e óleo de linhaça prensado a frio e óleo de oliva extra virgem: Consumir 1 colher de chá 2x ao dia.


 

Alimentos com baixo teor de purinas/consumo permitido

*       Leite, chá, café, chocolate meio amargo, queijos magros, ovos cozidos, manteiga.

*       Cereais e farináceos como pão, macarrão, sagu, fubá, mandioca, araruta, arroz branco e milho;

*       Vegetais como couve, repolho alface, acelga, agrião, radiche;

*       Doces e frutas de todos os tipos, incluindo todos os sucos.

*       A dieta deve ser moderada em proteínas, rica em carboidratos e relativamente pobre em gordura e deve incluir alimentos com baixos teores de purina (proteína presente nos alimentos que prejudica o ácido úrico).

*       O consumo de gorduras deve ser reduzido, pois o excesso diminui a excreção de ácido úrico.

*       Evite o consumo de álcool, pois este precipita o ácido úrico, facilitando a formação de cristais.

*       Líquidos como água e sucos devem ser ingeridos à vontade o suficiente p/ que a urina esteja sempre clara. Isso facilita a excreção de ácido úrico e minimiza a possível formação de cálculos.

*       É preciso lembrar que, fora das crises de dor, exercícios físicos são sempre necessários, mesmo que em pouca quantidade, pois não raro, há excesso de peso e vida sedentária entre as pessoas com gota. E a redução de peso é sempre útil e ajuda a reduzir a hipertrigliceridemia que existe em 75% dos pacientes com gota.

*       Não fique longos períodos sem se alimentar. Quem fica muito tempo sem comer é candidato a elevar o ácido úrico. Isso porque, em jejum, o corpo acaba degradando a proteína muscular como fonte de energia, gerando ureia como um dos seus subprodutos.

*       Medicamentos, quando receitados, devem ser seguidos por todo o tempo recomendado, pois podem ter efeito incompleto se interrompidos.

 

Dicas importantes

*       Utilizar preparações com carnes cozidas, desprezando a água do cozimento.

*       Carnes assadas não devem ser torradas.

 

 




So Nutri © 2013 Todos direitos reservados | Termos de uso